sábado, 21 de agosto de 2010

Presidenciais


Transcrevo porque acho uma delicia:





in: "Económico.blog"

Os cartazes de Manuel Alegre e de Fernando Nobre estarão visíveis nas ruas já a partir do próximo mês.
A poucos dias do início do ano político, e mais de quatro meses das próximas eleições presidenciais, os candidatos a Belém preparam estratégias de campanha e alinham as tropas para começar a percorrer o país. Em Setembro, os primeiros cartazes de Manuel Alegre e Fernando Nobre já estarão nas ruas.
A aprovação do próximo Orçamento do Estado, o eventual chumbo e suas consequências políticas, a crise económica e a discussão sobre os poderes do Presidente da República são os temas que vão marcar a agenda dos candidatos. Para já, estão na corrida Manuel Alegre, apoiado pelo PS e Bloco de Esquerda, Fernando Nobre, independente, e o socialista Defensor de Moura.
Dos três nomes já oficializados, Defensor de Moura é o primeiro a arrancar, já na próxima terça-feira, com um debate sobre a regionalização. Segue-se Manuel Alegre, que a 11 de Setembro reúne a estrutura de campanha e, mais tarde, a 25 de Setembro, é a vez de Fernando Nobre, que vai juntar a "convenção nacional de voluntários", também marcada para a capital. Entretanto, vai aumentando a expectativa sobre qual será a decisão do actual Presidente, Cavaco Silva, que mantém o ‘tabu'.
E os Comentários (5) são do melhor adoro!

Fernando Oliveira , Genebra - Suiça 21/08/10 18:26
Os 'xuchalistas' expulsaram todos os que se candidataram contra os eleitos da cambada central... e o PATETA ALEGRE não se candidatou contra o proposto pela cambada central ?! Democráticamente, a justiça nos 'XUCHALISTAS' não é a mesma para todos. FORA COM OS BANDALHOS E QUEJANDOS!!!

MIR , 21/08/10 10:53
Então alegre tens pescado muitos robalos alguns charutos ( puros) ?Isso é que é vidinha mas está na hora de mandar mais umas bocas .

mpe , Oeiras 21/08/10 08:58
DIZEM QUE ELE JÁ TEM COMO GARANTIDO O APOIO DOS ARGELINOS.

António Costa Lima , 21/08/10 08:13
Já cá faltava o circo das presidencias com os p.a.l.h.a.ç.o.s do costume. Era bom que continuassem de férias, ao menos não incomodavam a intelectualidade da maioria dos portugueses já sacrificados e atulhados em impostos, despesas e com ordenados de miséria. Com a volta desta cambada das presidenciais lá vamos ter de aturar mais verborreia e conversas de xaxa de gente que não resolve os problemas dos portugueses e só procuram um lugar à sombra debaixo da bananeira, leia-se tacho!

vg , 21/08/10 00:19
Alegre ainda é candidato?

E em conclusão: Portugal vai passar mais 5 anos sem Presidente da República. O que não me preocupa mesmo nada. Já se constactou que isto funciona mesmo sem Presidente. Ou acham que o Anibal é Presidente? Quanto muito digamos que... a Maria tem aspirações a ser...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Loading...